segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Lídia V. Santos é a convidada do Encontro com Escritores do PET Letras no dia 18/10

O PET – Literatura no Rio grande do Norte, conveniado ao Curso de Letras, realiza no dia 18 de outubro, o Encontro com Escritores, no auditório D2 da Unidade Floriano Peixoto, a partir das 17h. Desta vez, a convidada é a escritora Lídia V. Santos.

A autora foi professora de literatura hispano-americana da Universidade Federal Fluminense /UFF até 1995, quando, a convite, foi ensinar na Universidade de Yale, nos Estados Unidos, país onde ensinou também a literatura brasileira no Centro de pós-gradução da Universidade da Cidade de New York (Graduate Center/CUNY). Lídia se destaca ainda pelos prêmios importantes que recebeu, como o Prêmio Guimarães Rosa, atribuído aos escritores e escritoras de língua portuguesa pela Radio France Internationale.

A passagem por Natal será a oportunidade de falar sobre a sua mais recente obra: Diários de Patinete. Sem um pé em Nova Iorque. O livro, ambientado entre o Rio de Janeiro e Nova Iorque, reflete as experiências da escritora e, com muito humor, traz um olhar para o lado rico e pitoresco da cidade americana.

O encontro se destaca ainda como uma oportunidade importante para que os alunos da Escola de Educação conheçam as diferenças entre o meio acadêmico americano e o brasileiro.

Encontro com Escritores: Lídia V. Santos
Data: 18 outubro
Horário: 17h
Local: Unidade Floriano Peixoto (Auditório D2)
(UnP)

sexta-feira, 22 de setembro de 2017

Participação do PET no IX Congresso de Educação da UnP

Os alunos do PET de Literatura Potiguar participaram do IX Congresso de Educação da Universidade Potiguar, "Formação do educador: reflexões sobre novos modelos para ensinar e aprender", que ocorreu na unidade Floriano Peixoto de 13 a 15 de setembro de 2017.

Na noite de abertura do evento, o grupo apresentou uma encenação da poesia de Conceição Evaristo em uma performance intitulada "A nossa fala estilhaça a máscara do silêncio", dirigida pela aluna do PET Graciela Sousa. A peça abordou a questão das mulheres negras, escravas, que sofriam abusos de seus senhores brancos e a sua forma de resistência através da fertilidade e descendência. Clique aqui para assistir o vídeo da apresentação (YouTube).




Nos dias seguintes, os bolsistas participaram ativamente com apresentações de banners e comunicações orais:

Banners

"O envelhecimento feminino x padrões impostos pela sociedade: uma leitura dos poemas 'Auto-retrato', de Cecília Meireles e 'Auto-retrato sem direito a retoques', de Diva Cunha", de Micaella Karenina;
"Do mito à poesia: uma leitura de 'danaides', de Carmen Vasconcelos", de Layse Delfino;
"A velhice e a imposição de estereótipos femininos em 'A Serenata', de Adélia Prado", de Sarah Josuá.

Comunicações orais


"Análise poética: a construção metafórica na poesia de Ulisses Tavares", de Thiago Oliveira;
"Quarto de despejo e o papel da literatura", de Kenzo Jobim;
"'A solidão do senhor matias': na opressão a desigualdade", de Laís Guimarães;
"A mulher sujeito na poética de Paula Tavares e cântico dos cânticos: uma análise comparativa", de Lanuk Nagibson;
"Compreendendo Ana: um olhar sobre o conto 'Amor', de Clarice Lispector", de Lucas José;
"Clarice Lispector: o reencontro em si mesmo", de Juliana Lima;
"Olhos d'água: a menina Ayoluma e o nascimento de Cristo", de Afonso Barroso;
"Niketche: a história de Vuyazi, a princesa insubmissa", de Denise Coutinho.

Todos os trabalhos foram orientados pela professora Conceição Flores.

No segundo dia de congresso, a professora trouxe como convidada a prof.ª Dra. Daiany Ferreira Dantas (UERN) para ministrar a palestra "Identidades de gênero e cultura". As vagas eram limitadas e todas foram preenchidas rapidamente. Foi abordado a questão de gênero e machismo nas manchetes de jornais, com atenção especial ao caso de Eliza Samúdio, morta por Bruno Souza (também conhecido como "goleiro Bruno").




Fonte:
Notícia: "IX Congresso de Educação debate inovações na área educacional"
https://unp.br/noticias/ix-congresso-de-educacao-debate-inovacoes-na-area-educacional/

Programação do congresso: disponibilizado para os participantes.

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

CINEPET: Ensaio sobre a cegueira


Na quarta-feira, 20 de setembro de 2017, acontecerá mais uma edição do Cine PET. O filme exibido deste mês será Ensaio sobre a cegueira (Blindness, 2008), às 16:30, no auditório D2 da UnP Floriano Peixoto. A exibição do filme baseado na obra homônima de José Saramago é aberta para todos os alunos da universidade e vale horas complementares para quem chegar até as 17:00.

Confira a sinopse abaixo:

Sinopse: "Uma inédita e inexplicável epidemia de cegueira atinge uma cidade. Chamada de "cegueira branca", já que as pessoas atingidas apenas passam a ver uma superfície leitosa, a doença surge inicialmente em um homem no trânsito e, pouco a pouco, se espalha pelo país. À medida que os afetados são colocados em quarentena e os serviços oferecidos pelo Estado começam a falhar as pessoas passam a lutar por suas necessidades básicas, expondo seus instintos primários. Nesta situação a única pessoa que ainda consegue enxergar é a mulher de um médico (Julianne Moore), que juntamente com um grupo de internos tenta encontrar a humanidade perdida."

quarta-feira, 23 de agosto de 2017

ENCONTRO COM ESCRITORES: ANCHELLA MONTE

No dia 22 de agosto, no auditório D2 da Unidade Floriano Peixoto, aconteceu o primeiro encontro com escritores deste segundo semestre do ano. A convidada do mês foi a poetisa Anchella Monte. Antes do bate-papo, alunas do curso de Letras recitaram alguns poemas da convidada. O bate-papo sobre as vivências e os escritos da escritora foi conduzido pela petiana Laís Silva. Os alunos presentes no encontro puderam ouvir e participar de um diálogo cheio de histórias e poesia.
 
Texto: Denise Coutinho

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

PET Letras realiza edição do Encontro com escritores com Anchella Monte

O Programa de Educação Tutorial (PET), conveniado ao curso de Letras da UnP, realiza no dia 22 de agosto um bate-papo com a poetisa Anchella Monte. O evento também contará com o Sarau organizado pela petiana Micaella Karenina, no auditório D II da Unidade Floriano Peixoto, a partir das 17h. O evento é destinado a alunos e professores da Unidade Floriano Peixoto. Todos estão convidados a participar.

Sobre a autora:
 
Anchella Monte nasceu em Fortaleza (CE), mas mora em Natal/RN desde o segundo ano de vida. A estreia literária ocorreu em 1976 com a participação da obra coletiva Passagem, da qual participaram outros poetas. No ano seguinte ingressou no curso de Letras da UFRN, onde teve participação ativa na criação do jornal Letreiro, que divulgava produções literárias dos estudantes. Poetisa, é autora dos livros: A trama da aranha (2001), Temas roubados (2006), que recebeu menção honrosa no concurso Othoniel Menezes de 2002 e o segundo lugar no concurso Luís Carlos Guimarães, Pesos & Penas (2011), e Entre Tempos (2015). Especialista em Educação, é professora de língua portuguesa do ensino público.

(Fonte: https://unp.br/noticias/pet-letras-realiza-edicao-do-encontro-com-escritores-com-anchella-monte/)