segunda-feira, 21 de agosto de 2017

PET Letras realiza edição do Encontro com escritores com Anchella Monte

O Programa de Educação Tutorial (PET), conveniado ao curso de Letras da UnP, realiza no dia 22 de agosto um bate-papo com a poetisa Anchella Monte. O evento também contará com o Sarau organizado pela petiana Micaella Karenina, no auditório D II da Unidade Floriano Peixoto, a partir das 17h. O evento é destinado a alunos e professores da Unidade Floriano Peixoto. Todos estão convidados a participar.

Sobre a autora:
 
Anchella Monte nasceu em Fortaleza (CE), mas mora em Natal/RN desde o segundo ano de vida. A estreia literária ocorreu em 1976 com a participação da obra coletiva Passagem, da qual participaram outros poetas. No ano seguinte ingressou no curso de Letras da UFRN, onde teve participação ativa na criação do jornal Letreiro, que divulgava produções literárias dos estudantes. Poetisa, é autora dos livros: A trama da aranha (2001), Temas roubados (2006), que recebeu menção honrosa no concurso Othoniel Menezes de 2002 e o segundo lugar no concurso Luís Carlos Guimarães, Pesos & Penas (2011), e Entre Tempos (2015). Especialista em Educação, é professora de língua portuguesa do ensino público.

(Fonte: https://unp.br/noticias/pet-letras-realiza-edicao-do-encontro-com-escritores-com-anchella-monte/)

terça-feira, 15 de agosto de 2017

Cultura árabe é tema da sessão do CinePET

O curso de Letras, por meio do Programa de Educação Tutorial (PET) realiza a sessão do CinePET no dia 16 de agosto, no Auditório D2 da Unidade Floriano Peixoto, a partir das 17h20. O filme a ser exibido será Sand Storm (Tempestade de Areia).
A película israelense tem o enredo envolto na cultura árabe, retratando os conflitos causados pela paixão proibida e o casamento forçado, dentro do contexto religioso do Islamismo. O evento é voltado para os alunos da Escola da Educação. Não é necessário realizar inscrição.

(Fonte: https://unp.br/noticias/cultura-arabe-e-tema-da-sessao-do-cine-pet/)

quarta-feira, 14 de junho de 2017

CinePet realiza sessão com filme francês abordando preconceito racial


O CinePET Letras realiza a exibição do filme Bienvenue à Marly-Gomont no dia 14 de junho, às 17h, no Auditório D2 da Unidade Floriano Peixoto. O filme aborda a história de um médico que encontra dificuldades ao chegar em uma pequena vila, onde ele e sua família são os únicos habitantes negros do local.
A ação faz parte das atividades de Extensão desenvolvidas pelo Programa de Educação Tutorial, conveniado ao Curso de Letras da Universidade. Após a exibição do longa metragem será aberto um debate para discutir assuntos que foram abordados no filme.

Disponível em https://unp.br/noticias/cinepet-realiza-sessao-com-filme-frances-abordando-preconceito-racial/. Acesso em 14 de junho de 2017.

terça-feira, 6 de junho de 2017

ENCONTRO COM ESCRITORES: JOSÉ DE CASTRO


O Programa de Educação Tutorial (PET) do curso de Letras realiza no dia 6 de junho mais uma edição do Encontro com Escritores. A partir das 17h estará em uma roda de conversa como os alunos da Escola da Educação, o Escritor José de Castro, no Auditório D2 da Unidade Floriano Peixoto. A genialidade do convidado, se destaca em obras para o público infantojuvenil. O evento é destinado para os acadêmicos da Escola.

Sobre o Escritor
José de Castro, considera-se mineiro-potiguar (nasceu em Resplendor/MG). Escolheu morar em Natal/RN há 40 anos. Escreve para crianças e para adultos. Foi professor da UFRN (Depto. de Educação)  e diretor da TV-Universitária de Natal. Possui livros infantis e infantojuvenis publicados:  A marreca de Rebeca (livro de estreia, em 2002.) Depois dele vieram outros: O mundo em minhas mãos (2005), A cozinha da Maria Farinha (2007), Poemares (2007), Dicionário Engraçado (2012), Poetrix (2012), Poemas Brincantes (2015), Meu amigo paladar – um guia da alimentação saudável (2016, em parceria com o poeta Antonio Francisco); e Vaca amarela pulou a janela (2017). Para “gente grande”, escreveu um livro de humor (Quem brinca em serviço – 2003) e dois de poemas: Apenas palavras (2015) e Quando chover estrelas (2015). Tem participação em cerca de 20 coletâneas poéticas para o público adulto. Participa da Sociedade dos Poetas Vivos e Afins do RN – SPVA/RN e da União Brasileira de Escritores – UBE/RN.
É membro correspondente da Academia de Letras, Artes e Ciências Brasil – ALACIB/Mariana/MG e Cônsul Poeta del Mundo de Parnamirim/RN. Além disso, foi escolhido patrono de uma biblioteca escolar na Escola Municipal Jacira Medeiros, de Parnamirim/RN, a Biblioteca José de Castro e de uma sala de aula na Escola Municipal Jornalista Erivan França, zona norte de Natal. Vem colaborando com a Caravana de Escritores Potiguares, coordenada pelo pesquisador Thiago Gonzaga, que viaja por todo o Estado do RN divulgando obras de autores da terra; participa também do projeto Casa das Palavras, coordenado pelo jornalista Rilder Medeiros, que instala minibibliotecas por todo o RN e incentiva a leitura e a escrita literária junto a professores, crianças e adolescentes.  Além disso ministra oficinas de prosa e poesia e sobre criatividade, fantasia e imaginação a serviço da produção literária. Seus livros infantojuvenis vêm sendo adotados em várias escolas do Rio Grande do Norte. Está com dois novos livros no prelo: Desditos populares & outros textos de humor (para adolescentes) e Um livro, um castelo (poemas – infanto-juvenil).

Disponível em: https://unp.br/noticias/pet-letras-realiza-edicao-encontros-com-escritores-com-jose-de-castro/. Acesso em 06 de junho de 2017.

segunda-feira, 29 de maio de 2017

Encontro com escritores: Iracema Macedo



Estamos muito felizes e ansiosos para o Encontro com Escritores de amanhã. Vamos receber Iracema Macedo, poetisa e ensaísta potiguar, senhora de uma carreira literária há muito reconhecida pela crítica. Na década de 1990, participou de coletâneas poéticas com André Vesne e Eli Celso, mas a primeira publicação individual ocorreu, em 2000, com Lance de dardos. Seguiram-se Invenção de Eurídice (2004), Poemas inéditos e outros escolhidos (2010) e Cidade Submersa (2013). Professora do Instituto Federal Fluminense, é Doutora em Filosofia (2003) pela Unicamp, tendo defendido a tese Nietzsche, Wagner e a época trágica dos gregos, publicada em 2006. O CLEART apresentará uma performance poética, organizada pela petiana Ionara Souza, a partir de poemas de Lance de dardos. O evento acontecerá na UnP (Floriano Peixoto), a partir das 17 h, no Auditório D2, e terá um debate-palestra sobre “Mulheres Invisíveis”.